São muitos os benefícios dos minerais. Será que você conhece todos?

Primeiramente, para entendermos bem os benefícios dos minerais, primeiro precisamos saber um pouco mais sobre eles, certo?

Os minerais são substâncias inorgânicas essenciais ao funcionamento do nosso organismo. Suas funções no nosso corpo variam muito, assim como acontece com as vitaminas e, entre elas, podemos citar a regulação da pressão sanguínea, formação de dentes e ossos e produção de hormônios e muitas outras.

Como nosso corpo não pode produzi-los, os minerais são obtidos a partir de uma alimentação balanceada contendo legumes, verduras, frutas e cereais integrais. A concentração dos sais minerais nesses alimentos vai variar de acordo com o solo em que foram cultivados. Além disso, eles também são encontrados em produtos de origem animal, como carnes e laticínios, já que os animais se alimentam de vegetais que contém minerais.  

Os benefícios dos minerais e suas fontes:

Hoje você vai conhecer 8 dos principais minerais, seus benefícios e suas fontes. Sendo assim, espero que ao final deste artigo você entenda muito melhor a importância desses nutrientes à nossa saúde.

Visite também o nosso artigo sobre as vitaminas e seus benefícios. É só clicar aqui!

Cobre:

O cobre é de extrema importância e possui diversas funções. Entre elas, participa da formação de algumas células sanguíneas, hormônios e enzimas. Além disso, contribui para a formação da bainha de mielina nos neurônios e a síntese de neurotransmissores. 

A atuação do cobre na imunidade também é notável. Além de ser um importante antioxidante, o cobre é essencial para que as pessoas tenham um bom aproveitamento da Vitamina C.

Algumas fontes conhecidas de cobre são: cacau em pó, farinha de soja, açúcar mascavo, amendoim, aveia e outras.

Manganês:

Necessário ao funcionamento normal do cérebro e do sistema nervoso em geral, o manganês também participa de muitos sistemas enzimáticos em nosso corpo. Diminuição da dor em processos inflamatórios, age como antioxidante e na regulação do nível de açúcar no sangue. Outra função conhecida é na saúde óssea, onde atua em conjunto com outras vitaminas e minerais e promove melhor densidade dos ossos.

Fontes de manganês incluem sementes e cereais integrais, mas também podem ser encontrados em pequenas quantidades em alguns legumes e verduras.

Molibdênio:

O molibdênio participa diretamente da síntese de diversas proteínas do nosso corpo e, além disso, também atua na eliminação de substâncias tóxicas ao fígado e aos rins, age como antioxidante e  possui papel importante em nosso metabolismo.

Entre suas fontes conhecidas estão: feijão, ervilha, gérmen de trigo e folhas verdes escuras.

Selênio:

Como é um potente antioxidante, ajuda no sistema imunológico, na prevenção de doenças como o câncer e, também, na proteção contra problemas cardíacos como a aterosclerose.

O selênio também melhora o funcionamento da tireóide e, por isso, é armazenado em grande quantidade neste órgão. Isso ocorre pois ele é essencial para a produção dos hormônios tireoidianos e sua deficiência no organismo pode, inclusive, gerar um quadro conhecido como Tireoidite de Hashimoto. 

Suas fontes conhecidas são: a água, castanha-do-pará, farinha de trigo e gema de ovo.

Ferro:

Também é considerado um mineral essencial, sendo fundamental para a produção das moléculas de hemoglobina em nossas hemácias e, assim, responsável pelo transporte dos gases sanguíneos. Além disso, é bom para o coração, para imunidade e prevenção da anemia.

Ele também atua diretamente no funcionamento das células do nosso corpo, sobretudo na síntese do DNA e no metabolismo energético.

Há duas formas de se obter o ferro em nosso organismo: na alimentação (ferro exógeno), ou na destruição de hemácias (ferro endógeno). 

Alguns alimentos que possuem ferro em sua composição são: feijão, espinafre, semente de abóbora, quinoa, brócolis, tofu, chocolate amargo e amaranto, entre outros.

Magnésio:

O magnésio atua em mais de 300 reações bioquímicas em nosso organismo e, assim, promove vários benefícios. Ele potencializa as funções do cérebro, fortalece os ossos, combate crises de asma, previne enxaqueca e dores de cabeça, diminui o estresse, ameniza cólicas menstruais e diminui o risco de hipertensão e doenças cardíacas, entre muitas outras funções.

Alguns alimentos ricos em magnésio são o abacate, o arroz integral, couve, trigo, aveia, brócolis, feijão e lentilha, entre outros.

Cromo:

O cromo ajuda no processo de emagrecimento pois aumenta a ação da insulina. Esse mecanismo favorece a produção muscular, o controle da fome e, assim, facilita o metabolismo corporal e a perda de peso.

O cromo também promove maior controle do colesterol em nosso organismo, diminuindo os índices de LDL e aumentando os de HDL. 

Fontes conhecidas de cromo são: carnes, peixes, feijão, soja e milho. Alimentos integrais, como arroz integral, açúcar mascavo e farinha de trigo integral também são importantes e oferecem uma boa quantidade.

Zinco:

O zinco é um dos minerais que mais possuem funções em nosso organismo. Ele ajuda na queda dos cabelos e os deixa mais brilhantes e macios. Também atua na absorção da vitamina A, no tratamento da depressão, nas funções da tireóide, ajuda o nosso sistema imunológico na proteção contra infecções e na cicatrização. Como é antioxidante, possui ação anti envelhecimento e, também, ajuda na prevenção de doenças como o câncer.

Algumas fontes de zinco são os alimentos de origem animal, como carne bovina, de aves  e ostras. Mas, além destes, os alimentos de origem vegetal, como a amêndoa e as sementes de abóbora possuem uma boa concentração de zinco.

Agora que já falamos sobre os benefícios dos minerais, vamos pra uma dica importante.

Viu como os minerais são de extrema importância para a nossa saúde?

Por isso, mantenha sempre uma alimentação balanceada e pratique exercícios físcos com frequência. Essa ainda é a melhor forma de se manter saudável. 

E, caso sua alimentação não seja suficiente para adquirir todos esses minerais, busque orientação de um médico ou nutricionista e sempre escolha suplementos de alta qualidade. Somente eles vão fornecer os nutrientes que você precisa da melhor forma possível.

Caso queira conhecer o Multi V, o polivitamínico da Makai Nutrition®, clique aqui!

As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e, portanto, não devem substituir orientações de profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Sendo assim, procure sempre o aconselhamento do seu médico ou nutricionista com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Nunca desconsidere o conselho médico ou demore na procura de ajuda por causa de algo que tenha lido em nosso site e mídias sociais da MAKAI®.

(Visited 22 times, 1 visits today)